Category: Sem categoria
A tribulação produz perseverança
Vanessa Lampert | 10 de janeiro de 2013 | 10:45 | Sem categoria | 13 comentários

Quando tudo está difícil, você se apega com mais força naquilo em que espera. Você insiste. Quando o desafio se intensifica, aquele que mantém a sua fé se agarra ainda mais forte e persiste. Quando você é perseguido, desprezado, quando a pressão aumenta e tudo parece dar errado, você não desiste. É isso que Paulo quis dizer quando escreveu “A tribulação produz perseverança”.

Aliás, em Romanos 5:3,4 ele dá uma lista de causa e consequência a que vale a pena prestarmos mais atenção:

“Nos gloriamos nas próprias tribulações, sabendo que a tribulação produz perseverança; e a perseverança, experiência; e a experiência, esperança.” (Romanos 5:3,4)

A tribulação produz perseverança. Se você perseverar, verá o resultado. Esse resultado é a experiência. Você só terá experiência se não desistir. E o fato de ter tido experiência, te trará esperança. Todas as vezes que passar novamente por uma tribulação, terá mais facilidade em perseverar, pois aquela experiência que você teve colocou dentro de você uma esperança. Você sabe que vai dar certo novamente.

Você tem experiência com Deus, sabe em quem está confiando. Por isso Paulo entendia que deveria se gloriar nas tribulações. São elas que nos garantem mais experiências com Deus, se as encararmos da maneira correta, perseverando na fé, na certeza daquilo que esperamos. Na certeza do que Deus nos prometeu.

Espinhos
Vanessa Lampert | 11 de maio de 2011 | 15:27 | Sem categoria | 2 comentários

Tribulação ou provação ou deserto…algo inevitável na vida cristã. Inevitável, porém mal compreendido. Doença, miséria, destruição familiar e todo o tipo de desgraça não é provação, é opressão. Provação é passar por perseguições, por dificuldades por causa do nome de Jesus, ou por ter decidido obedecê-lo. Provação é, por exemplo, ser ridicularizado, perseguido, injustiçado, alvo de preconceito e ignorância por causa da sua fé.

Às vezes Deus permite que certas situações aconteçam para provar nosso coração e nos mostrar se realmente cremos nele ou não, se realmente confiamos ou se precisamos nos entregar mais, buscar mais, nos aproximar mais de Deus.

Deus provou Abraão ao pedir-lhe o filho, para saber se o coração de Abraão estava na bênção ou no Abençoador. Deus provou o povo ao pedir as ofertas para o templo, para saber se o coração daquelas pessoas se alegraria em fazer doações para a construção da casa de Deus. Jesus provou a mulher siro-fenícia ao ignorá-la e mesmo dizer não, para que ela mostrasse a Ele sua humildade e, ao mesmo tempo, sua intrepidez e audácia da fé, ao não aceitar o “não” de Jesus.

Deus quer te mostrar o que está em seu coração, quer fortalecer sua fé. A provação que vem de Deus não nos enfraquece, não nos tortura, não nos despedaça, ela nos renova, nos transforma e nos faz mais fortes, à medida em que nos aproximamos de Deus.

A revolta é uma parte importante e necessária da fé, uma revolta contra a situação opressiva, firmada na certeza de que Deus é poderoso para transformar tal situação. No entanto, outra parte importante e necessária da fé é a entrega total e irrestrita das nossas vontades a Deus. Assim, somos capazes de ter certeza absoluta de que se obedecer a Deus nos levar a ser lançados em uma fornalha e Ele quiser nos livrar, nos livrará…mas se Ele quiser que morramos, é responsabilidade dele, morreremos, mas não desobedeceremos para sermos livres da fornalha. Porque sabemos que não é a força do nosso braço que nos livra dessas situações, mas nossa confiança em Deus. Ele é que vai nos livrar, por amor do seu nome. Ele não pode te livrar enquanto você estiver com medo, pois se você sente medo, é porque não entregou nas mãos dele, não confiou completamente. Ele não pode te livrar enquanto você tentar fazer na força do seu braço, sem se entregar 100%

Eu não entendo espinho…mas faz parte…Deus diz: “Minha graça te basta”…a graça é o favor imerecido. Não precisamos merecer, não merecemos, temos apenas que crer que Deus é por nós, que temos esse apoio. É essa fé a necessária para nos dar força que nos faça passar pela provação e alcançar a vitória.

Outra coisa importante: busque a presença de Deus, busque o Espírito Santo diariamente. Provação que não tem fim não é provação. Não existe prova que não termine…uma hora a criatura tem que ser aprovada! Se você está passando por uma prova interminável, que está drenando completamente suas forças, desconfie…provavelmente não vem de Deus.

Espinho Grupo Logos


Senhor Jesus, eu não entendo o espinho

Mas se a cruz é o fim deste caminho

Dá-me mais graça, não sou maior que o meu Senhor

Apenas servo sou, apenas servo e nada mais.

Se as pontas aguçadas da coroa

Te feriram, ó Cabeça

Eu que sou corpo, parte do Teu corpo, não devo reclamar.

Dá-me mais graça, Senhor! Dá-me mais graça!

Passa os Teus dedos nos meus olhos, vem me consolar

Dá-me mais graça, Senhor! Dá-me mais graça!

Faze-me em Cristo, outra vez Ser mais que vencedor

Senhor Jesus, ainda não entendo o espinho

Mas se o mesmo faz parte da Tua cruz

Eu o aceito, não sou maior que o meu Senhor

Apenas servo sou, apenas servo e nada mais.

Senhor, se estou por Ti sendo provado quero aprovado ser agora

Sei o que tens a dizer, e creio nisto também, basta-me a graça.

Dá-me mais graça, Senhor! Dá-me mais graça!

Passa os Teus dedos nos meus olhos, vem me consolar

Dá-me mais graça, Senhor! Dá-me mais graça!

Faze-me em Cristo, outra vez

Faze-me em Cristo, outra vez

Faze-me em Cristo, outra vez

Ser mais que vencedor

Um vencedor em Cristo

.